Emergências

Em caso de emergência chame seu dentista

Febres, edemas, dificuldade para abrir e fechar a boca, dores e sangramentos são normais desde que não em exagero, você é responsável por acompanhar os sintomas, por isso é importante informar-se bem antes de qualquer procedimento. Paciente bem informado saberá quando é a hora de procurar o profissional responsável.

how-to-turn-your-smartphone-into-an-emergency-kit-6bb48a76c5

Febres altas e persistentes são emergência, sangramentos fortes são emergência, dificuldade em abrir e fechar a boca persistente por mais de 3 dias também caracteriza-se como emergência, nestes casos entre em contato o mais rápido possível, com o cirurgião. Estas características podem estar indicando infecção pós operatória e neste caso o profissional deve avaliar imediatamente a medicação que está sendo administrada e as condições do paciente, mesmo que ainda não esteja no período previsto para a remoção das suturas.

Caso ocorra rompimento da sutura (pontos) procure o médico e se perceber uma camada branca e amarela sobre a cirurgia, não remova ela constitui a defesa do organismo. Mas no caso de pus e cheiro forte o dentista deve ser informado.

Inchaço (edema) é comum, o uso correto da medicação e compressas controla a intensidade e duração deste processo, caso perceba que o edema está aumentando o profissional também deve ser informado.