Anestesia

A Anestesia

Independente do tipo de procedimento a anestesia será feita. Anestesia é uma palavra grega que significa ausência de sensações, ela serve para garantir o conforto de quem passa pela intervenção cirúrgica e do profissional que opera. portanto, não esconda nada do seu médico, a ingestão de qualquer substancia química deve ser informada. Após o termino do processo o paciente fica cerca de meia hora na sala de recuperação em decorrência da anestesia que poderá deixa-lo sonolento e um pouco confuso.

Local_anesthesia

É comum sentir dor de garganta ou nos ouvidos no período em que a anestesia está passando. Nos sete dia seguintes também pode ocorrer febre, mau hálito e dificuldades para falar. Durante a cicatrização também é normal o aparecimento de placas brancas ou amareladas na garganta.

Muitas pessoas têm medo de anestesia! Com certeza é uma parte bem incômoda do processo. Feita com agulhas podem gerar certa dor no início do procedimento, mas compensa durante a incisão e intervenção que o paciente não sentirá o contato. Atualmente os riscos são praticamente nulos, técnicas modernas tornaram o procedimento bastante seguro. Em média o efeito da cirurgia dura cerca de 5 horas. Quando o efeito passa, um pouco de dor será normal e logo solucionada com analgésicos.

Risco eminente: um fenômeno raro que não está descartado é a paralisia transitória. Ocorre quando o anestésico atinge um nervo que é responsável pela sensibilidade da boca. A consequência é uma sensação de formigamento no local que deve se prorrogar por alguns dias. A impressão que dá é de que a anestesia continua fazendo efeito. Neste caso somente a paciência resolve, o dentista oferecerá um tratamento que deverá acelerar o processo e diminuir o tempo de espera. Derivados do complexo B farão uma boa diferença.

Sete dias após o procedimento é ideal que o paciente volte para a revisão e retirada dos pontos que a partir deste período poderão reter resíduos e prejudicar a saúde da boca e a recuperação. Os pontos que ficam na boca são os do tipo reabsorvíveis que não são extraídos pelo dentista.